Sobe o número de mortos no incêndio de Santa Maria, de 90 a quantidade estimada agora é 180

|

O Brasil amanhece de luto na tragédia em uma boate na cidade de Santa Maria no RS, o incêndio aconteceu por volta das 02 e 30 da manhã. Um incêndio na boate Kiss, no Centro de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, deixou mortos e feridos na madrugada deste domingo. Segundo o Corpo de Bombeiros, ao menos 180 corpos foram retirados da boate e outras seis pessoas morreram nos hospitais. No momento da tragédia, havia entre 300 e 400 pessoas estavam no local.

Pouco antes das 9h30min, um terceiro caminhão chegou ao Centro Desportivo Municipal (CDM) com cerca de 70 mortos. Segundo informações dadas durante coletiva à imprensa, no ginásio do CDM, há pelo menos 180 corpos no CDM.

Na tentativa de identificar os nomes, o Instituto Geral de Perícias (IGP) tem colocado documentos de identificação — como identidade, carteira nacional de habilitação, entre outros — e celulares foram colocados nos peitos destas vítimas.

De acordo com relatos de servidores do IGP, muitos telefones dos mortos no ginásio tocam sem parar
O primeiro caminhão, por volta das 7h20min, levou pelo menos 77 corpos, no Centro Desportivo Municipal (CDM). Até o momento, famílias que estão no local estão sendo encaminhadas para o portão lateral do CDM, que fica na Rua Tuiti. Inicialmente, a perícia fará a identificação dos mortos que estavam com documentos de identificação (como identificação, carteira nacional de habilitação, entre outros). Em um segundo momento, o IGP deve fazer o reconhecimento daqueles corpos que não tenham identificação. Para isso, deve ser solicitada a ajuda de familiares e amigos no reconhecimento dos corpos.
Ainda no decorrer desta manhã, o IGP deve divulgar uma lista com a relação de vítimas que estão no CDM. Zero Hora e O Globo.

Atualizando. 10:36 (horário de Brasília)

Em entrevista à rádio Gaúcha, o delegado Sandro Luís Meinerz, titular da 3ª Delegacia de Polícia de Santa Maria, disse que, a princípio, as pessoas não morreram queimadas, e sim asfixiadas pela fumaça por não terem conseguido sair do local.

"Estamos retirando os corpos do local e tomando as providências necessárias para o início das investigações. Não se sabe ainda o número exato de corpos. Mas, em princípio, não há nenhum corpo em situação precária que possa prejudicar a identificação. As pessoas não conseguiram sair. A saída parece pequena para o número de pessoas que estava lá dentro, e o pânico acabou gerando essa situação", contou.

A boate possui apenas uma saída, o que gerou tumulto na hora da fuga das chamas. Os bombeiros tiveram que abrir um buraco na parede externa para auxiliar no salvamento.

Publicado por Gustavo. Nóbrega
Fonte; G1

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

 

No ar desde ©2006 Blog do Gustavo Nóbrega | Extrutura atual / Template Blue desenvolvido por TNB modificado por Net Serviços