Parlamentares do RN apóiam CPI do MST

|

  
Os senadores José Agripino, Garibaldi Alves e Rosalba Ciarlini e os deputados federais Rogério Marinho, Betinho Rosado e Felipe Maia são os parlamentares do Rio Grande do Norte que assinaram o pedido de abertura de CPI para investigar Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

O requerimento que pede a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista foi lido na manhã desta quarta-feira (21) no plenário do Congresso Nacional. De acordo com o requerimento, o foco da investigação será o repasse de recursos que seriam feitos pelo governo federal a entidades ligadas ao movimento.

“Assinei a abertura da CPI do MST por entender que nenhum movimento social pode estar acima da lei e amaneira como tem se comportado o MST gera preocupação e instabilidade. A CPI é o instrumento que o Congresso tem para se verificar se as práticas e o financiamento dessa instituição estão dentro do que preconiza a nossa Constituição, justificou o deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN).

Para que a investigação realmente aconteça, será necessária a manutenção das assinaturas de pelo menos 171 deputados e de 27 senadores. Os parlamentares têm até a meia-noite para aderir ou desistir da iniciativa. Até agora foram recolhidas 185 assinaturas na Câmara e 35 no Senado, sendo 3 senadores do Rio Grande do Norte e 03 deputado federais também potiguares.
 

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

 

No ar desde ©2006 Blog do Gustavo Nóbrega | Extrutura atual / Template Blue desenvolvido por TNB modificado por Net Serviços