Telexfree indenizará divulgador no RN

|

A empresa que opera a Telexfree, a Ympactus Comercial Ltda, e que foi condenada pela Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte a indenizar em R$ 7,6 mil um divulgador por quebra de relação trabalhista, não se defendeu no processo. 

Nesta última sexta, 13, o juiz George Falcão, que condenou a empresa de marketing multinível, explicou que julgou o caso à revelia, tomando por verdade as alegações do divulgador. Segundo ele, a decisão foi técnica, com base em dados da defesa do divulgador que demonstravam haver relação trabalhista e, como não foi encaminhada defesa por parte da empresa, teve que julgar à revelia. 

A Ympactus tem oito dias para recorrer da condenação, seja por um embargo de declaração – recurso encaminhado ao próprio juiz – com prazo de cinco dias para decisão, ou com recurso ordinário à corte do TRT. Na hipótese de recurso, a Telexfree deverá depositar em juízo o valor referente à indenização até o julgamento do mérito. 

Com informações da Tribuna do Norte

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

 

No ar desde ©2006 Blog do Gustavo Nóbrega | Extrutura atual / Template Blue desenvolvido por TNB modificado por Net Serviços