Na grande Natal, três pessoas morrem vítimas de disparos de arma de fogo

|

Três pessoas foram mortas vítimas de tiros, em Natal e na cidade de Parnamirim, na noite deste domingo (24). Os assassinatos, segundo a polícia, foram praticados por pessoas ainda não identificadas e ocorreram em um intervalo de apenas duas horas. Além dos homicídios, outras duas pessoas foram baleadas e encaminhadas para unidades hospitalares da região.
De acordo com informações repassadas pelo Ciosp (Centro integrado de operações de segurança pública), o primeiro caso aconteceu às 18h, na Avenida Cidade Praia, no bairro Lagoa Azul.

Um jovem de 34 anos, identificado como JOSÉ ITAMAR BEZERRA LOPES, conversava com um colega na frente de uma borracharia quando foi surpreendido por uma dupla armada em uma motocicleta. O ocupante do garupa sacou um revólver e atirou diversas vezes em direção as duas pessoas, os tiros atingiram José na cabeça, tórax e braço ele morreu na hora já a outra pessoa, que não teve o nome revelado, foi ferida nas costas e conduzida ao hospital Santa Catarina.

Uma hora após o crime da zona Norte, os policiais do 9º Batalhão, que realizam o patrulhamento de segurança na região Oeste da capital, foram atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo em via pública, na rua dos Pêgas, no bairro das Quintas.

Já no local, a equipe de policiais se depararam com um homem caído ao chão sendo atendido por socorristas do SAMU. WAGNER CAMPELO FERREIRA, DE 27 ANOS, tinha sido alvejado por tiros no tórax e abdome. A vítima que estava conversando com um amigo encostado em um veículo, foi alvo de atiradores que passaram em um carro efetuando vários disparos. Wagner,diferente do amigo que foi atingido apenas de raspão, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O terceiro crime de morte aconteceu às 20h, na cidade de Parnamirim. Dois homens armados estacionaram um veículo tipo saveiro de cor branca e de placas não identificadas, na frente de um bar, na Rua Lindoaldo Medeiros, no bairro Vale do Sol. Em seguida um deles desceu e foi ao encontro de um jovem que estava sentado dentro do estabelecimento.

Ainda segundo informações policiais, não houve nenhuma conversa e o atirador disparou várias vezes matando na hora REGIS DA SILVA FERNANDES, DE 21 ANOS. Viaturas do 3º Batalhão ainda realizaram diligências, mas os criminosos conseguiram escapar.

Os casos serão investigados pela polícia civil em delegacias das circunscrições de cada bairro onde ocorreram os fatos. Os investigadores das delegacias de plantão Sul e Norte, que estiveram nos cenários dos assassinatos, preferiram não adiantar detalhes sobre as motivações dos crimes deixando tudo a encargo das investigações.

Fonte Portal B.O
Publicado por Gustavo. Nóbrega

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

 

No ar desde ©2006 Blog do Gustavo Nóbrega | Extrutura atual / Template Blue desenvolvido por TNB modificado por Net Serviços